Programação do Ciclo de Artes Visuais

Programação do Ciclo de Artes Visuais

O Ciclo de Artes Visuais 2017/2018 arranca no dia 14 de novembro com os convidados Vasco Vidigal e Ana André, responsáveis pela associação Artadentro – Arte Contemporânea, uma instituição sediada em Faro, cuja área de intervenção prioritária é o Algarve. As sessões decorrerão, como habitualmente, às 15h30, no auditório 0.4 do Complexo Pedagógico do Campus da Penha.

A programação para o 1º semestre desta edição do Ciclo de Artes Visuais conta ainda com a presença de Marco Lopes, no dia 21 de novembro, atual diretor do Museu Municipal de Faro e Chefe de Divisão de Cultura, Museus, Arqueologia e Restauro na autarquia farense desde 2011. 

Finalmente, marcarão presença nesta edição as artistas Soraya Vasconcelos e Margarida Palma, no dia 12 de dezembro.

Sobre a Associação Artadentro:

A associação Artadentro – Arte Contemporânea é dirigida pelos artistas Vasco Vidigal e Ana André, está em atividade desde Agosto 2003 e constituiu-se a 14 de Agosto de 2007, em Faro, como associação cultural sem fins lucrativos. A Artadentro – Arte Contemporânea – Associação, com associados e colaboradores algarvios, mas também de outras regiões de Portugal, prossegue o trabalho de dinamização cultural na promoção e divulgação da Arte Contemporânea, e na criação, ampliação e desenvolvimento de públicos no Algarve. Nesse sentido, trata-se de uma instituição que divulga e promove a produção plástica contemporânea, nas suas diversas disciplinas, numa postura estética eclética e crítica. Os seus objetivos essenciais são: estimular a criação artística, regional e nacional — dando particular ênfase a artistas em fase de afirmação; promover a realização de obras inspiradas na realidade local, acentuando a vertente experimental; contribuir para desenvolver um público capaz de envolvimento informado e ativo nos processos culturais. Embora seja uma instituição sediada em Faro, cuja área de intervenção prioritária é o Algarve, mantém presente a dimensão global das Artes ccVisuais e o interesse em colaborar com outras instituições regionais, nacionais e internacionais, públicas ou privadas, que prossigam as mesmas finalidades.